Laboratório Santa Paula

Institucional

Notícias

Exames

Unidades

Fale conosco

Trabalhe conosco

O frio e o aumento dos casos de gripe: Como identificar os sintomas do vírus Influenza e prevenir a doença?

  • 19/05/2022

A chegada do frio vem acompanhada, muitas vezes, do aumento do número de casos de gripe. A recente flexibilização de parte das medidas adotadas para prevenir o COVID-19, a baixa cobertura da vacina contra o vírus Influenza e a queda natural da imunidade da população contribuíram para que essa gripe voltasse com força.

 

O exame que identifica o agente associado à gripe Influenza é, portanto, bastante relevante no cenário atual, possibilitando uma avaliação mais criteriosa da necessidade de terapia antiviral específica, assim como uma melhor estimativa da evolução clínica, evitando o uso desnecessário de antibióticos e ajudando a definir medidas para prevenir a propagação do vírus.

 

O Laboratório Santa Paula disponibiliza um teste por imunocromatografia que identifica os antígenos do vírus Influenza A e B. O teste é um imunoensaio cromatográfico rápido destinado à detecção qualitativa de antígenos específicos de Influenza A e B, presentes em amostras nasofaríngeas.

O teste é capaz de detectar os subtipos mais comuns de Influenza, incluindo o H3N2, predominante nos surtos recentes no Brasil, e o H1N1, que predominava anteriormente, sem, no entanto, diferenciá-los no resultado.

 

Consulte sua médica, seu médico e, caso necessário, conte com os nossos serviços.

 

Quais os sintomas do vírus Influenza?

Os principais sintomas da gripe são:

 

Febre;

Dor de garganta;

Tosse;

Dor no corpo;

Dor de cabeça.

 

Em crianças, a febre pode atingir níveis mais altos de temperatura e pode haver quadros de bronquite ou bronquiolite, além de sintomas gastrointestinais.

 

Podem surgir também outros sinais súbitos, como:

 

Calafrios;

Mal-estar;

Cefaleia;

Mialgia;

Dor nas juntas;

Prostração;

Secreção nasal excessiva;

Diarreia;

Vômito;

Fadiga;

Rouquidão;

Olhos avermelhados e lacrimejantes.

 

Como prevenir a gripe Influenza?

 

A vacinação é a forma mais eficaz e segura de prevenção contra a gripe e suas complicações.

 

Além disso, recomenda-se a adoção de outras medidas gerais de prevenção que são comprovadamente eficazes na redução do risco de adquirir ou transmitir doenças respiratórias, especialmente as de grande infectividade, como o vírus da gripe:

 

– Lave as mãos com água e sabão ou use álcool em gel, principalmente antes de consumir algum alimento;

– Utilize lenço descartável para higiene nasal;

– Cubra o nariz e boca ao espirrar ou tossir;

– Evite tocar mucosas de olhos, nariz e boca;

– Não compartilhe objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas;

– Mantenha os ambientes bem ventilados;

– Evite contato próximo a pessoas que apresentem sinais ou sintomas de gripe;

– Evite sair de casa em período de transmissão da doença;

– Evite aglomerações e ambientes fechados (procurar manter os ambientes ventilados);

– Adote hábitos saudáveis, como alimentação balanceada e ingestão de líquidos;

– Mantenha-se agasalhado e evite mudanças muito bruscas de temperatura e ambiente.

Com informações de Ministério da Saúde e Fleury Medicina e Saúde. 

× Como posso te ajudar?